fechar
chagall

Exposição

Marc Chagall: Sonho de Amor

Imagem de Calendário

02/07/22 a 18/09/22

Serviço


  • Classificação LivreClassificação Livre

  • Local

    CCBB Brasília
    SCES, Trecho 2 – Brasília/DF
    Galerias 1,2 e Pavilhão de Vidro

  • Horário

    Terça a domingo, de 9h às 20h

  • Ingresso

    Entrada gratuita


Covid 19

Fique atento às
recomendações.

Fique atento

Esta exposição apresenta a trajetória de vida e obra do pintor Marc Chagall, que marcou as artes no século XX com a criação de um universo único, pautado pelo lirismo e pelo uso revolucionário de formas e cores.

São mais de 180 obras, produzidas entre 1922 e 1981, com pinturas, aquarelas, litografias e gravuras que abrangem seus temas mais caros: a infância e a tradição russa, o sagrado e suas representações, o amor e o mundo encantado na ilustração das Fábulas de La Fontaine.

Esta exposição apresenta a evolução de mais de cinquenta anos de trabalho do artista e centra-se nos principais temas que inspiraram sua criação e sua vida: suas origens e as memórias de sua infância; as tradições russas e judaicas que ele viveu desde criança; sua
profunda espiritualidade, que deu origem a criações muito intensas, principalmente às obras que se baseiam na Bíblia; a literatura, uma de suas paixões; as flores e o amor. Com sua imaginação exuberante, Chagall criou um universo paralelo, único, cheio de vida e de cores vibrantes. E como ele mesmo dizia: “Na vida, como na paleta do artista, há apenas uma cor que dá sentido à vida e à arte: é a cor do amor”.

A curadoria é de Dolores Duràn Ucar.

Sobre Marc Chagall
Ao longo de sua vida, Marc Chagall (Vitebsk, Rússia, 1887 – Saint-Paul-de-Vence, França, 1985) construiu um universo próprio, por meio de suas pinturas e seus escritos. Um mundo lírico, poético e fantástico, em que tudo é possível. Um mundo de sonhos e cores em tons que brilham – cores intensas, que dão vida ao cenário e aos personagens, realistas ou imaginários, que povoam sua obra.

Ainda jovem, instalou-se em Paris, onde permaneceu a maior parte de sua vida e onde esteve em contato com as vanguardas artísticas do início do século XX. Suas criações são influenciadas pelo cubismo, fauvismo, surrealismo e orfismo, mas seu desejo de independência e liberdade impediu-o de ingressar nesses movimentos – foi um artista que criou um estilo totalmente pessoal e único.

Embora Chagall tenha passado a maior parte de sua longa vida longe de sua cidade natal, suas memórias de infância e sua amada Vitebsk, assim como as tradições russas, são um elemento constante em sua obra ao longo de toda a sua trajetória. Ele reconhecia que: “O título de ‘um pintor russo’ significa mais para mim do que qualquer fama internacional… nos meus quadros não há um centímetro livre da nostalgia de minha terra natal”.

Galeria